:

Enquete: Like Our New Look?

Do you like our new Vivvo look & feel?
Home | Lendo a Bíblia com Cia. Mover | LENDO OS CAPÍTULOS 15 AO 21 DO EVANGELHO DE LUCAS

LENDO OS CAPÍTULOS 15 AO 21 DO EVANGELHO DE LUCAS

Tamanho da fonte: Decrease font Enlarge font
image

"Alegrai-vos comigo, pois já achei minha ovelha perdida" Lucas 15:6b

 


Continuando com a maravilhosa leitura dos evangelhos e, ainda sentindo como se a voz do próprio Jesus pronunciasse as palavras escritas na Bíblia, passo agora aos comentários desses capítulos lidos esta semana.

Começando pelo capítulo 15, temos maravilhosas parábolas semelhantes com as já lidas e entre elas, com as quais Jesus nos ensina a importância que UMA alma só tem para o Pai. Comparando-nos ora com ovelhas de um Pastor, ora como dracmas de uma moça, ora como um filho que prefere os “presentes – riquezas” do Pai ao próprio Pai. Nesse ponto o importante é fazermos algumas análises. Jesus ensina que Deus, o Pai, é como um pastor que está a todo o momento cuidando de sua ovelha para que nada de ruim aconteça e, se a ovelha sair do rebanho, o Pastor vai atrás até encontrar, tamanho o valor dela. Ou seja, somos tão importantes quanto essa ovelha que Jesus mencionou. Deus nos ama tanto que largaria multidões para conseguir conquistar nosso coração de novo e em seguida nos limpar de toda ferida e sujeira que adquirimos quando fomos para longe dEle.

Na da dracma, Jesus nos compara a riqueza, mais uma vez falando de nosso valor. O incrível aqui é o método que Deus usa para nos encontrar. Deus vai limpar tudo que estiver envolta, tudo que nos esconde dEle, que nos separa, para então nos tomar de volta e, assim que Ele nos encontrar, Ele fará festa anunciando que encontrou o perdido!

Por fim, nesse primeiro capítulo, temos a famosa parábola do Filho Pródigo! Não mais como uma ovelha cuidada por um pastor e que some do rebanho, nem como uma dracma que foi perdida em uma bagunça, mas como um FILHO que prefere a riqueza ao Pai. A análise, nesse ponto deve ser feita por nós mesmos em nós: tenho sido filho pródigo? Tenho preferido as benções e não o dono delas? Tenho buscado o Pai apenas pelas conquistas? Ou ainda, comparando ao filho que ficou: quero o que Deus tem e não tenho percebido que já é meu? Ou seja, tenho sido ingrato por tudo que Deus me deu, me dá e que sei que me dará, ignorando o fato de que só de estar com Ele e Ele comigo todos os dias já é a maior riqueza e festa que posso ter? Essas indagações são pessoais e necessitam de oração para que encontremos a resposta a cerca de nós mesmos. Analisemo-nos!

Em Lucas 16:19-31 ao ler me deparei com algo que não recordo de ter lido, achei incrível! Jesus está deixando claro ali o como ser salvo, ao dizer que tudo depende da vida que vivemos aqui na terra. Jesus, primeiro, mostra que não depende de ter alguma riqueza aqui na terra para sermos salvos, independendo da situação financeira se de riqueza ou de miséria que vive no Mundo, você pode ser salvo se e quando acreditar nas palavras de vida eterna escritas na Bíblia. Deixa claro isso quando o Rico, nos últimos versículos implora a Abraão que ressuscite um morto para que este seja testemunho do que acontece depois da morte e da importância de acreditar em Deus. Mas, não é assim que funciona, pois se alguém não acredita na Bíblia e em suas histórias relatadas, quanto mais em um morto ressuscitado. Logo, precisamos ser testemunhas vivas e não testemunhas ressuscitadas (morrer para depois testemunhar).

Em Lucas 17 Jesus traz mais ensinamentos magníficos para nossa vida. Primeiro: NUNCA SEJAMOS OS PROVOCADORES DOS ESCÂNDALOS, se vemos algo errado acontecendo, que não saia de nossa boca qualquer tipo de fofoca, acusação e coisas desse tipo, mas que saiam palavras de clamor pela pessoa que está na situação, oremos e não fofoquemos.

Segundo: IMPORTÂNCIA DO PERDÃO, perdoe SEMPRE, independente do que for e de quem for, perdoe.

Terceiro: FÉ NÃO É TAMANHO OU INTENSIDADE, ELA SIMPLESMENTE DEVE SER, ao falar que se a fé for do tamanho dum grão de mostarda, Jesus quis ensinar aos discípulos que não precisa pedir que a fé seja aumentada, mas é preciso exercê-la ao ponto de saber que você tem fé!

Quarto: SERVIR ALÉM DO QUE FOI MANDADO, SERVIR NO QUE PRECISA, EM TUDO; nunca sirva alguém com preguiça, de qualquer jeito, sirva sempre dando o melhor!

Quinto: A SALVAÇÃO VEM DA FÉ E DA GRATIDÃO, todos os leprosos foram curados ao crer no que Jesus disse “ide e mostrai aos sacerdotes”, quando exerceram a fé no “indo eles”, eles receberam a cura, mas a parte mais importante que é a cura eterna, a salvação, apenas pela gratidão veio ao leproso que voltou e adorou a Jesus em gratidão ao que Ele fez.

Sexto e último (dito por mim, porque têm muitos outros): O REINO DOS CÉUS É JESUS, Jesus falou que o Reino dos Céus estava entre eles, e hoje o Reino dos Céus está em nós. Ele não é representado com algo visível e tocável, não tem aparência exterior, o Reino dos Céus é do nosso Interior, depende daquilo que vivemos. Se tratando de Reino tem que ter um Rei, se é dos Céus, tem que abranger questões referentes ao Céu, Jesus estava na terra, mas era um ser celestial, afinal, é uma das pessoas da trindade. Naquele momento ELE ERA O REINO DOS CÉUS NAQUELE LUGAR, porque Ele expressava as leis, as normas, a vida, a submissão, o reconhecimento de quem é o Rei que governa a sua vida para todos os que estavam ao seu redor. Quem tem sido o seu Rei? Você tem sido o Reino dos Céus aqui na Terra?

Amo o fim desse versículo, quando fala da volta de Jesus, falarei apenas uma coisa: NÃO SE ILUDA COM O FALAR DAS PESSOAS, TENHA INTIMIDADE PARA SABER QUEM É JESUS E NÃO SER DEIXADO PARA TRÁS POR SE ENGANAR NO MOMENTO QUE ELE VIER. Jesus virá como um relâmpago, ou seja, aparecerá para TODOS, iluminando todo o céu!

Capítulo 18, que parábola magnífica do Juiz iníquo, totalmente auto-explicativa! Se um juiz que não tem temor e compaixão analisa o caso de uma mulher que sempre reclama para que se resolva sua causa, quanto mais DEUS que nos amou primeiro e quem nos criou para sermos amados por Ele não irá analisar a nossa causa e fará aquilo que pedimos e clamamos. Mesmo que tardio a nosso ver, Ele cumprirá os desejos do nosso coração.

Mais adiante, no 18, encontramos algumas passagens conhecidas e com princípios majestosos: “qualquer que a si mesmo se exalta será humilhado, e qualquer que a si mesmo se humilha será exaltado” (vr. 14); “qualquer que não receber o reino de Deus como menino, não entrará nele” (vr. 17); “Quão dificilmente entrarão no reino de Deus os que têm riquezas” (vr. 24); “As coisas que são impossíveis aos homens são possíveis a Deus” (vr. 27); “Na verdade vos digo que ninguém há, que tenha deixado casa, ou pais, ou irmãos, ou mulher, ou filhos, pelo reino de Deus, Que não haja de receber muito mais neste mundo, e na idade vindoura a vida eterna” (VRS. 29 e 30). Depois Jesus fala sobre o que acontecerá com Ele, para preparar os discípulos, deixando claro que nada acontece sem que antes Deus revele a um profeta.

Do capítulo 19 mencionarei apenas a história de um Rico que entrará no Reino do Céu, que será salvo, mostrando que o impossível de um rico entrar no céu pode ocorrer, porque para Deus nada é impossível. Este homem é Zaqueu que diferente do Jovem Rico, não perguntou a Jesus o que ele deveria fazer para ser salvo, simplesmente anunciou que daria metade do que tinha aos pobres e restituiria quadruplicado àqueles a quem teria defraudado, ou seja, Zaqueu sabia o que era preciso fazer para obter a salvação! Um Rico que entra no Reino dos Céus.

O Capítulo 21 é um capítulo de mistérios de Deus, uma vez que todos querem saber como será quando Jesus voltar, Jesus fala da grande tribulação de antes de sua vinda, dos sinais dos fins, mas, mesmo lendo tudo aquilo, dentro de nós parece que está incerto em saber que está próxima sua vinda. Creio, porém, que muito daquilo que Jesus disse tem acontecido nos nossos dias, por isso, devemos cuidar de nossas vidas vigiando e orando, para escapar de todo mal que acontece e acontecerá em nossos dias.

É isso por hoje, alguns capítulos e versículos eu deixei de mencionar, mas a leitura deles traz muita vida e conhecimento, porém, estes foram os que falaram mais comigo dessa vez.

Cuidemos em avaliar o nosso estudo da Bíblia, ao começar em mim, que não sejam palavras lidas, palavras escritas somente, mas que sejam palavras que expressem nossa vida com Deus!


Intimando-os a Leitura,

Meditando no que Jesus falou e continua a falar,

Sabendo que está próximo o dia do Senhor.

 

Giovana Papacosta

Esta semana continuamos a leitura de Lucas até o fim (Capítulo 22 ao 24), terminando a leitura de mais um evangelho! Continuemos juntos buscando entendimento e revelações na palavra!

 

Adicionar para: Add to your del.icio.us del.icio.us | Digg this story Digg

Comentários (0 postado):

total: | mostrando:

Poste seu comentário comment

Entre o código que você vê na imagem:

  • email Enviar a um amigo
  • print Versão p/ impressão
  • Plain text Texto
Tags
Nenhuma tag para este artigo
Vote neste artigo
0
Copyright ©2012 - http://chamadafinal.net/portal/ - Todos os Direitos Reservados
Powered by
MEGAWEB