:

Enquete: Like Our New Look?

Do you like our new Vivvo look & feel?
Home | Lendo a Bíblia com Cia. Mover | LENDO OS CAPÍTULOS DE 1 AO 7 DO EVANGELHO DE LUCAS

LENDO OS CAPÍTULOS DE 1 AO 7 DO EVANGELHO DE LUCAS

Tamanho da fonte: Decrease font Enlarge font
image

"Uma das formas de Edificar a casa na Rocha é buscar intimidade com Deus, então: Ore, Jejue e, não esqueça de, LER A BÍBLIA"

 

 

Bom aqui estou mais uma vez para compartilhar com vocês o que o Senhor ministrou ao meu coração na leitura de Lucas 1 ao 8. Primeiramente gostaria de falar o quanto tem sido maravilhoso ler os evangelhos e poder viajar um pouquinho na história de Jesus. Assim como João, Marcos e Matheus, Lucas tem muito a nos ensinar.

Vou começar então por Lucas 2:49 onde Jesus ficou no templo ouvindo os mestres da Lei ensinar, e quando foi indagado pelos seus pais o porque tinha feito aquilo ele simplesmente respondeu que estava na casa do Seu Pai, ou seja, o filho sempre volta para a casa do Pai.

Em Lucas 3:3-9 Nos mostra que o evangelho vem sendo anunciado há séculos e poucos são os que ouvem e, menos ainda, os que se arrependem verdadeiramente. Muitos querem apenas o batismo, pensando que apenas o ato de mergulhar nas águas irá salvá-los. Mas na verdade a salvação vem a partir do arrependimento verdadeiro pelos nossos pecados e quando aceitamos a Jesus como Senhor e Salvador de nossas vidas. O batismo é apenas um ato simbólico pelo qual mostramos diante das pessoas quem é o nosso Salvador, mas isso não significa que temos a salvação, esta vem mediante as mudanças de comportamento e atitudes.

Lucas 4:1-13 Nos ensina a vencer as tentações, visto que Jesus foi tentado pelo diabo, o qual pegou nos seus pontos de fraqueza, porém Jesus resistiu firme e o venceu pela palavra de Deus, o que fez com que satanás fosse embora mais uma vez derrotado. E é o que devemos buscar diariamente, vencer as tentações lançadas contra nós, apegar-nos a Jesus e permanecermos firmes em Deus, através da oração, do jejum e da leitura da palavra.

Somos capazes de vencer o diabo também, assim como Jesus, porque temos ao nosso lado um Deus que não nos abandona. O que precisamos é ter atitudes e parar de ficar justificando nossos erros com o velho ditado "a carne é fraca". A carne é fraca sim, mas isso quando passamos a alimentá-la mais do que ao nosso espírito, "Jesus, porém, lhe respondeu: Está escrito. Nem só de pão viverá o homem." (Lc 4:4), ou seja, temos que nos alimentar da palavra de Deus, pôr em prática aquilo que nos é ensinado por Ele.

Lucas 4:40 "Depois de anoitecer, todos os que tinham amigos enfermos, com várias doenças, os levaram a Jesus. Ele pôs as suas mãos sobre cada um deles e os curou." O poder de cura está em Jesus, somente nEle obtemos a cura. Nós somos apenas intercessores, que através de nossos pedidos de oração intercedemos àqueles que precisam, sejam enfermos em seu físico ou espiritualmente. Tenha essa convicção, é do Senhor o poder da cura! Ok?!

Em Lucas 6:19 mais uma vez nos mostra quem tinha poder para curar ao tocar ou ao ser tocado: JESUS!!! Pois todos queriam tocar nEle, porque DELE saía um poder que curava todas as pessoas.

É impressionante como existem muitos por ai dando "provas" (falsas) de que curou alguém que estava enfermo pelo seu toque. As pessoas estão vivendo de uma forma com que as fazem acreditar em falsas curas e falsos profetas. Mas tudo isso está acontecendo porque tem que acontecer, pois em Mateus 24:24 Jesus nos disse que muitos viriam em Seu nome e fariam tantos milagres que enganariam a muitos. Mas eu creio num Deus de justiça, e creio também que a sua justiça será feita contra esses falsos profetas no momento certo.

Em Lucas 5:16 Jesus nos revela o “segredo” da santificação, o segredo do que fazer para ouvir a voz de Deus: “Porém Jesus ia para lugares desertos e orava.” Jesus se separava, ia a lugares desertos para orar, para poder ouvir a voz do Pai, buscando ali naquele lugar se santificar. 
Esse é um exemplo que Ele nos deixou de que devemos buscar ter momentos como este na presença de Deus, pois é através da oração que nos tornaremos mais íntimos do Senhor.

Para quem Jesus veio? Em Lucas 5:31-32 após ser criticado por ser visto com as pessoas que eram marginalizados, Ele disse que os que têm saúde não precisam de médico, mas sim os que estão doentes, ou seja, Ele veio para salvar àqueles que necessitavam de ajuda, os que necessitavam de amor. Esses “excluídos” tinham toda a atenção de Jesus, porque estes o buscavam e queriam segui-lo, pois os que eram considerados “sãos” não O viam como o Filho de Deus, mas criticavam e injuriavam a Ele, desacreditavam de seus milagres.

Nos dias de hoje, podemos dizer que todos nós nos encontramos enfermos (espiritualmente), pois necessitamos de Jesus diariamente para nos curar. A diferença em nossos dias é que uns já puderam experimentar desse amor e conhecem o melhor caminho a seguir, já outros, talvez a maioria das pessoas, não conhecem a esse Jesus maravilhoso que cura, liberta, transforma e restaura, por isso devemos buscá-lo constantemente e apresentá-lo aos que ainda não o conhecem assim como Ele nos ensinou.

Em relação ao amor, (Lucas 6:27-36) Jesus nos mandou amar até mesmo aos nossos inimigos: “Mas eu digo a vocês que estão me ouvindo: amem os seus inimigos e façam o bem para os que odeiam vocês” (Lucas 6:27). Não é porque a pessoa nos quer mal que desejaremos o mesmo, fomos escolhidos para fazer a diferença e sermos canais de bênçãos e não de maldição. Não é tarefa fácil amar a quem te odeia e quer o teu mal, não é fácil dar a outra face do rosto, não é fácil! Porém, Jesus não disse que seria mesmo fácil, Ele disse para permanecermos firmes nEle para suportarmos o mundo que, assim, nós venceríamos como Ele Venceu.

Devemos fazer às pessoas aquilo que desejamos que elas nos façam, mas, também, não devemos dar o melhor esperando algo em troca, pessoas são falhas e nem sempre vão reconhecer o que fazemos por elas, Deus, por sua vez, nosso Pai que está no céu vê e é dEle que virá a recompensa em nossas vidas. Quer recompensa melhor? Por isso tenha misericórdia dos outros, assim como Deus tem de nós.

Tanto quanto devemos fazer o bem também não devemos julgar e nem condenar aos outros. (Lucas 6:37-42) Devemos perdoar para sermos perdoados por Deus, porque é através do perdão que somos libertos e também libertamos a pessoa de quem guardamos rancor.
Nossas atitudes serão medidas por Deus da mesma forma com que julgamos o outro, também seremos julgados. Devemos ser generosos e bons e o Senhor derramará bênçãos sem medidas.

“Por que é que você vê o cisco que está no olho do seu irmão e não repara na trave de madeira que está no seu próprio olho?” Vamos começar a tirar o cisco dos nossos olhos primeiramente e prestar atenção em nossas atitudes, para depois ajudar ao irmão que necessita, ao invés de criticá-lo. Está na hora de parar com a hipocrisia, e, ao invés de ficar olhando a vida do vizinho, vai orar e pedir a Deus que o abençoe e levante alguém para ajudá-lo.

Lucas 6:45 – “A pessoa boa tira o bem do depósito de coisas boas de que tem no seu coração. E a pessoa má tira o mal do seu depósito de coisas más. Pois a boca fala do que o coração está cheio.” Nossas palavras mostram claramente o que temos em nossos corações, se proferimos o bem ou o mal, se falamos de Jesus ou não. Procuremos buscar mais intimidade com Deus, para nos encher Dele e sermos pessoas abençoadas e abençoadoras, capazes de ter um bom tesouro guardado no coração, ter coisas boas e agradáveis para falar a quem precisa.

Porque muitos voltam para o mundo? Porque é melhor? Ou porque não tiveram alicerce? Em Lucas 6:46-49 Jesus nos diz que para suportarmos as tempestades devemos construir nossa casa na rocha, e nada abalará a casa. Porém se a casa for construída sobre a areia, não tendo estrutura suficiente, na primeira chuva a casa é totalmente destruída. Conosco acontece à mesma coisa. Se ouvirmos e obedecermos ao Senhor, as lutas e as tempestades virão, porém não nos abalaremos com isso, pois somos edificados em Jesus. Mas se ouvirmos e não obedecermos aos ensinamentos do Senhor, logo não resistiremos a nenhuma luta e, consequentemente, pereceremos por falta da estrutura.

Seria igual quando o pai fala para a criança não colocar o dedo na tomada porque irá machucar, mas o filho não quer saber do que pai está falando e, só aprende que não deve colocar o dedo lá depois que já tomou o choque.

Por que é tão difícil escutar e obedecer ao que o nosso Pai Celestial diz? Se Ele falou é porque é o melhor a fazer, para não sofrer com as consequências mais tarde. O problema está em nossa teimosia de achar que o pior nunca vai acontecer, e é onde damos brechas ao inimigo para nos atacar, pois o diabo não brinca e está sempre procurando brechas para entrar em nossas vidas com o intuito de destruir tudo aquilo que o Senhor reconstituiu.

Vamos refletir sobre nossas atitudes, aprender a falar e reclamar menos e a ouvir mais a voz de Deus.

Fiquem com Deus!

Mariany


ESTA SEMANA CONTINUAMOS A LEITURA DE LUCAS, CAPÍTULOS 8 AO 14 

 

Adicionar para: Add to your del.icio.us del.icio.us | Digg this story Digg

Comentários (0 postado):

total: | mostrando:

Poste seu comentário comment

Entre o código que você vê na imagem:

  • email Enviar a um amigo
  • print Versão p/ impressão
  • Plain text Texto
Tags
Nenhuma tag para este artigo
Vote neste artigo
0
Copyright ©2012 - http://chamadafinal.net/portal/ - Todos os Direitos Reservados
Powered by
MEGAWEB